terça-feira, 20 de agosto de 2013

O cansaço e seus significados







Algumas pessoas dormem em demasia e mesmo assim acordam cansadas. Não praticam atividades físicas e costumam sentir dores musculares. Atenção. Esses diferentes tipos de cansaço podem ser sinais que seu corpo está alertando para problemas maiores.

Sabe-se que o cansaço não está relacionado direta e unicamente ao sono. Ele pode ser sinal de ansiedade, estresse, anemia, apneia do sono e até insuficiência cardíaca. Estima-se que nos últimos 20 anos, a população reduziu 1h30 de sono por dia. Em São Paulo, por exemplo, a média de sono é de 6,5 horas, muito longe daquelas 8h previstas no manual da saúde humana. O sono também precisa ser constante. Se um organismo precisa de 8 horas de sono, não é possível dividi-lo em 4 cochilos de duas horas ao longo do dia. Isso trará problemas imediatos.



O que as pessoas deveriam saber é que mesmo no trabalho, você precisa relaxar. Se a tarefa é constante, exercitar-se por 10 minutos, pause para um breve café e até mesmo dê uma caminhada pelo escritório. Isso vai fazer o seu trabalho render mais.

Existe uma relação mente e corpo que precisa ser ressaltada. O cansaço pode ser físico ou mental. Se a pessoa exercita-se demais, vai sentir dores. Com o cérebro é a mesma coisa. Portanto, excesso de trabalho e problemas pessoais, afetam o psicológico, trazendo estresse e ansiedade. Já a sobrecarga de exercício pode cansar articulações, músculos, enfim. A fadiga do corpo e da mente é um aviso de que algo está errado. Procure um especialista.

E uma constatação deve ser feita. A falta de sono pode gerar consequências ainda mais graves já que pode provocar um desequilíbrio no corpo. Estudos mostram, por exemplo, que dormir menos de 6 horas aumenta as chances da pessoa desenvolver doenças cardiovasculares, como hipertensão, AVC, infarto, arritmia e também metabólicas, como diabetes e obesidade.

Dicas para um sono perfeito.

- Vá para a cama relaxado(a)
- O ambiente precisa estar escuro, sem ruídos. Desligue a televisão e outros aparelhos.
- Evite exercícios antes do sono.
- Coma pouco a noite e nunca antes de dormir
-  Consumir um copo de leite antes do sono ajuda a relaxar. Experimente.
- Durma, pelo menos, 8 horas por dia.

Dicas para evitar o cansaço.

- Trabalhe o suficiente. Você pode se dedicar sem prejudicar sua saúde.
- Tenha tempo para atividades físicas regulares.
- Durma, no mínimo, 8 horas por dia.
- Alimente-se em menores, mais vezes ao dia e com alimentos de qualidade.

Se você seguir esses conceitos básicos, vai ter qualidade de vida e alcançara a tão sonhada longevidade. Lembre-se. Fazer exercícios é um prazer

Todas essas informações foram baseadas em matéria do site Bem Estar. Para saber mais, acesse o link

Receba por e-mail