terça-feira, 24 de abril de 2012

Dieta do coração – ciência x psicologia






Saiba como conciliar uma alimentação saudável a sentimentos que aumentam a obtenção de resultado, afastando as coisas ruins e potencializando as boas



Como é deficil viver bem e tranquilamente nos dias atuais. As gerações estão cada vez mais atarefadas, sobram funções e fatal tempo. Muitos trabalham em dois períodos, acumulam funções domésticas, preparam a própria refeição, possuem filhos para sustentar, enfim, como achar tempo para a prática regular de exercícios e como comer itens que contribuam para o pleno funcionamento do corpo?

É, praticamente impossível, não. É por isso que o Proporção de vida traz até você um texto publicado por Isis Moreira, no site Alimentando.net

“A Dieta do Coração

Nós estamos num mundo de dietas. Dietas para emagrecer, para controlar a pressão, para controlar a glicemia ou para reduzir o colesterol num objetivo de zelar saúde física, através da alimentação saudável e também da prática de exercícios físicos. Mas, examinando bem todos esses esforços tão importantes e necessários, parece faltar um complemento essencial para fazer toda essa engrenagem funcionar: controlar as emoções.
Então, vamos falar de uma dieta especial, a "Dieta do Coração": aquela que dissolve as emoções negativas que formam crostas e endurecem o coração, que elimina as toxinas interiores, que purga os pecados e eleva as boas emoções, ascendendo à positividade e trazendo uma consciência tranquila.
Na dieta do coração, o apego, as mágoas, os rancores e as ilusões vão embora com a força de um querer puro e sincero de se encontrar a felicidade. Assim, é preciso ter cuidado com três elementos: a inveja, o orgulho e o ciúme. Eles produzem lixos, toxinas e doenças e, principalmente, embaçam a visão. A medida que eles vão sendo eliminados é possível enxergar melhor a própria realidade e se aproximar do autoconhecimento.
Para fazer a dieta do coração é necessário paciência e esperança. Indo devagar e sabendo onde se quer chegar com motivação é possível ser uma pessoa bem sucedida na dieta e na vida. Com isso, as alegrias se renovam, o querer ganha força e o coração fica pleno de paz. Nesse estágio, se ganha outra percepção: passa-se a entender a importância da saúde e com isso vem o desejo natural de querer alimentar o coração e o corpo com aquilo que é saudável. Torna-se fácil e simples emagrecer, controlar a pressão, controlar a glicemia ou reduzir o colesterol porque se passa a ter "inteligência emocional e alimentar".
Está lançado o desafio de se viver bem, de se fazer a dieta do coração. Cuide da alimentação, pratique exercícios, busque boas terapias e essencialmente: cuide das emoções.”

Embora o texto acima tenha sua relevância, pois sempre precisamos estar conscientes do que é melhor, o Coração é um órgão que interfere em todos os outros e existem, sim, cuidados para que ele viva vigoroso.

No site Poder e Beleza, o cardiologista João Joaquim de Oliveira passa algumas regras indispensáveis para uma dieta saudável e eficaz, ajudando também no pleno funcionamento do coração:

Dicas Básicas

“1. Dieta não significa passar fome, apenas mudança do estilo de vida e qualitativa dos alimentos;
2. Não compre nada fora da lista recomendada, o acesso ao alimento leva ao consumo exagerado;
3. A dieta deve ser familiar. Todos devem compartilhar, se possível e indicado, o mesmo cardápio;
4. Não tenha vergonha de dizer onde quer que esteja que não consome tal alimento, a saúde é sua;
5. A dieta nunca deve ser transgredida, seja em casa alheia, festas ou férias/finais de semana;
6. Procure exercer um papel educativo com os seus familiares e filhos com uma dieta saudável;
7. O peso flutuante(emagrece /engorda) pode ser pior para a saúde do que a própria obesidade;
8. Atividade física é fundamental. Procure exercitar , no mínimo 30 min dia sim/dia não;
9. Consulte o rótulo e fórmula dos alimentos, compre os com baixo teor de gorduras /calorias;
10. Não use açúcar, é excesso calórico. Se você é hipertenso ou tem alguma cardiopatia evite adicionar sal aos alimentos, faz mal ao coração e à pressão.


-Bebidas Naturais À vontade:
Água de côco Café/chás Refrigerantes zero ou light, Sucos naturais com adoçante artificial.
- Bebidas alcoólicas 1 copo/dia:
Cerveja, Vinho branco/tinto.
-Gorduras/Óleos:
Azeite de oliva, Creme vegetal, Margarina, Óleo de girassol ,Óleo de milho, Óleo de soja, Óleo de canola.
-Condimentos A gosto:
Pimenta do reino, Alho, Limão, Salsa, Cebolinha, Vinagre, Molho de pimenta, Orégano.
Queijos 100gr/dia:
Queijo fresco, Ricota ou cotage, Mussarela seca.
Legumes/verduras À vontade:
Abóbora, Agrião, Alface, Almeirão, Berinjela, Beterraba, Brócolis, Cebola, Cenoura, Chuchu, Couve-flor, Espinafre, Pepino, Pimentão, Quiabo, Rabanete, Repolho, Tomate, Vagem.
Cereais 100g/dia:
Arroz, Feijão, Aveia, Grão de bico, Farinha de madioca.
Pães 100gr/dia:
Pão de forma, Pão de centeio, Pão francês, Pão integral, Pão italiano, Pão sírio, Torradas.
Sobremesa para quem faz dieta para perder peso:
Gelatina, Frutas cítricas, abacaxi, mamão, melão.
Peixes Substituem carnes brancas:
Pescada, Linguado, Salmão, Cação, Tainha, Bagre.
Carnes Brancas: 100 gr/dia sem pele:
Peito de frango, Chester, Peru, Carne de peixe, bife de soja.
Frutas À vontade:
Abacaxi ,Ameixa, Maracujá, Caju, Uva, Melão, Kiwi, Laranja ,Limão, Maçã, Tangerina, Melancia.
Com moderação: Mamão, Manga ,Goiaba, Bananas.
Laticínios 200ml/dia:
Iogurte natural, Iogurte desnatado, Leite desnatado, Coalhada
Ovos Somente a clara.
Proporções/dia: 50% vegetais/frutas ,30% cereais/grãos, 20% laticínios/carnes.

Motivação, vaidade, autoadmiração, saúde e um corpo belo e saudável são fatores-chaves do sucesso em tudo na vida. Fome e apetite devem ser instintos do organismo para sobrevivência saudável e feliz nunca ímpetos para orgias alimentares ou fuga para nossas angústias e frustrações. A pessoa é um ser racional e civilizado , devendo subjugar seus instintos e impulsos à razão.

Nós, do Proporção de Vida, acreditamos que tudo precisa estar na medida certa. Sua cabeça precisa estar ciente do seu quadro de saúde e querer mudar, bem como, você precisa de métodos científicos que lhe proporcionem os melhores resultados. Por isso, ambos os texto são trazidos a você. A inveja e outros sentimentos não são produtivos, mas você precisa evitá-los, praticando exercícios e se alimentando melhor...

Sucesso e saúde para você, sempre da Proporção de Vida Certa.

Vídeos sobre doenças e dietas para o coração

Receba por e-mail