domingo, 7 de julho de 2013

Como prevenir e tratar a enxaqueca







Seja fraca ou forte, difícil é saber quem nunca teve uma dor de cabeça, chamada de enxaqueca Cerca de 95% das pessoas sofrerão uma crise de enxaqueca uma vez na vida. Muitos acreditam que elas acontecem pelo estresse, pela má alimentação, enfim. Vários são os motivos e pouco se sabe sobre como prevenir. É por isso que o Proporção de Vida lhe dá dicas sobre a enxaqueca, apresentadas no site Blog da Saúde.

A enxaqueca melhora durante a gravidez?

VERDADE – Ela é mais frequente em mulheres do que em homens, devido aos hormônios. Durante a gravidez as dores diminuem, principalmente a partir do terceiro mês

A enxaqueca é sempre hereditária?

MITO – Não existem comprovações para essa afirmação. Apesar de existirem casos familiares, é comum que indivíduos desenvolvam episódios de enxaqueca, esporádicos ou crônicos, sem que existam membros na família com uma dor semelhante.

Toda dor de cabeça que pulsa ou lateja é uma enxaqueca?

MITO – A dor de cabeça precisa ser pulsante. Esse é o sintoma de enxaqueca.

Existe uma dieta para enxaqueca?

VERDADE – Os alimentos sã poderosos e alguns, melhoras os quadros de enxaqueca. Os mais indicados são queijos amarelos e outros derivados do leite, produtos enlatados, molho vermelho.

Botox para enxaqueca funciona?

VERDADE - A toxina botulínica já é um tratamento previsto em bula para a prevenção da enxaqueca. Os resultados são comprovados. Se quiser fazer essa opção, consulte um médico.

A enxaqueca só acontece em adultos?

MITO - A enxaqueca pode ocorrer em qualquer faixa etária, por exemplo, crianças e adolescentes, quando é mais comum em meninos que meninas, e pode ocorrer pela primeira vez em indivíduos acima de 60 anos.

Os exames de tomografia ou ressonância de crânio fazem o diagnóstico da enxaqueca?

MITO - Nenhum exame complementar faz diagnóstico de enxaqueca. Aliás, não é necessário qualquer exame de imagem do cérebro para diagnosticar esta síndrome.

Muito remédio para dor de cabeça (enxaqueca) provoca mais dor de cabeça?

VERDADE – Se a enxaqueca é constante, usar sempre os medicamentos é contraindicado. Em alguns casos, eles podem piorar as dores. Boa alimentação pode ser fundamental.

Existe enxaqueca sem dor?

VERDADE  - Esta é uma situação incomum e curiosa. Sabemos que uma minoria dos indivíduos com enxaqueca pode desenvolver um tipo especial, conhecida por enxaqueca com aura. Este fenômeno nada mais é que um sinal neurológico focal que normalmente antecede a dor, como por exemplo, a aura visual, na qual o indivíduo tem alterações visuais e só depois de 10 a 15 minutos desenvolve a crise propriamente dita. Ocorre que pouquíssimos indivíduos que têm enxaqueca com aura podem desenvolver algumas crises com aura, mas, acredite se quiser, sem a enxaqueca, a conhecida aura sem enxaqueca, uma situação na qual só existem os sintomas neurológicos focais (escotomas cintilantes, por exemplo) sem dor.

Não existem medicações específicas para o tratamento da crise de enxaqueca?

MITO - Há, pelo menos, duas classes de medicações utilizadas em nosso meio e que são específicas para o tratamento das crises agudas de enxaqueca: os ergotamínicos e triptanos. São remédios com diferentes ações farmacológicas, mas, de maneira geral, promovem vasoconstrição cerebral. Uma vantagem dos triptanos é que, além da tradicional via oral, existem formulações sob a forma de spray nasal e injeção subcutânea.



Receba por e-mail