segunda-feira, 15 de abril de 2013

Quais os grupos especiais de corrida?





Veja como vencer suas limitações aos poucos e faça da corrida, parte de sua rotina. Idosos, deficientes físicos, obesos e hipertensos também podem se divertir. Veja matéria do Proporção de Vida.


Muitos atletas começam em situações adversas. Estão fora do peso ou com alguma lesão. No entanto, não há determinação que não consiga vencer os limites de cada humano. Veja então dicas de Mario Sergio Andrade Silva no livro Corra para alguns grupos especiais.

Atletas acima dos 50 anos


O segredo da idade, é que ela não limita a atividade física. Pelo contrário. A corrida é um dos potenciais motivadores da qualidade de vida. As pessoas obtém maior longevidade a partir dos treinos.

Diz à fisiologia que o corpo humano evolui seu condicionamento até os 30 anos de idade. Após isso, a curva é descendente.  A condução nervosa, a massa muscular e a força são as primeiras afetadas.

Para os mais velhos, a dica é começar a usar a corrida como estímulo a hábitos melhores. A partir do momento em que o condicionamento vai aparecendo, metas como corridas de 5km são bem oportunas.

O que pode ajudar os idosos, além da corrida, é a musculação. Com ela, o corpo vai sendo tonificado e a perda de força desacelera, perdurando por muito mais tempo. Embora os exercícios sejam indicados, as visitas ao médico também são. Com a idade, elas devem ser mais frequentes e as vistorias no organismo, periódicas.

Obesos



A obesidade pode ser genética ou então, oriunda de um ser humano despreocupado com sua alimentação. Para cuidar do peso e não engordar, basta equilibrar o consumo de energia e a queima dela em forma de exercícios. Quando já se está acima do peso, as dicas são:

Diminuir a ingestão calórica;
Aumentar o gasto energético por meio da atividade física




Diabéticos

A corrida é excelente para controlar os índices glicêmicos. Ela ajuda no controle de peso, diminui o estresse, aumenta a massa muscular, etc. A atividade física, segundo pesquisa, mesmo em baixa intensidade, melhora a assimilação da glicose. Por isso, vá aos poucos, conheça seus limites e começo já a correr.

Hipertensos

Os hipertensos podem ter na corrida um grande aliando. Já nos primeiros dias, a pressão tem queda considerável se aproximando da ideal. Para os hipertensos, o emagrecimento pode ser ainda maior. Dicas:

Faça o acompanhamento com o seu médico para medir os índicas;
Verifique a pressão antes, no decorrer e depois da atividade para fazer um balanço;
Realize somente atividades de baixa intensidade.

Pessoas com deficiência

Pessoas com deficiência física podem realizar muitas tarefas. Às vezes, as limitações são apenas psicológicas. Incentive práticas saudáveis nesses grupos. Além de melhorar as articulações do corpo, a corrida ou caminhada pode estimular a autoestima dessas pessoas, que passam a conquistar muitos prêmios na vida.

Deficientes físicos podem se encaixar em inúmeras atividades e com acompanhamento médico, conquistar grandes feitos.

Receba por e-mail